CidadeDestaque

Governo do Amazonas anuncia expansão da malha aérea com novos voos da Latam para o Rio de Janeiro, São Paulo e Belém

Política estadual de incentivos fiscais viabiliza novos investimentos da companhia área, aquecendo o turismo no Amazonas

Foto: Ricardo Machado/ Secretaria da Vice- Governadoria

O vice-governador do Amazonas, Tadeu de Souza, e a Latam Linhas Aéreas anunciaram, nesta segunda-feira (21/08), a ampliação da malha aérea do estado com uma nova rota para o Rio de Janeiro (RJ) e mais voos diretos de Manaus para as cidades de São Paulo (SP) e Belém (PA) e outros três municípios do interior, bem como a expansão das operações cargueiras nacionais e internacionais da capital amazonense.

Os novos investimentos da Latam no Amazonas foram viabilizados pela política de incentivos fiscais do Governo Wilson Lima para as empresas de aviação, o que melhora a conectividade e aquece o turismo enquanto atividade econômica em todo o estado. O anúncio foi feito durante coletiva de imprensa realizada na sede do Governo do Estado, no bairro Compensa, zona oeste da cidade.

“O tratamento tributário diferenciado que o governo Wilson Lima vem dando para operações no modal aéreo incrementa a atividade econômica na região e, acima de tudo, incentiva o turismo. É um planejamento que vem sendo feito nos últimos dois anos, visando, assim, tornar ainda mais robusta, no período pós-pandemia, a atividade econômica no Estado do Amazonas”, destacou o vice-governador Tadeu de Souza.

Pela política de incentivo do Governo do Amazonas, as empresas aéreas que trabalham com transporte de passageiros e cargas, incluindo as empresas de fretamento de táxi aéreo, são contempladas com reduções que variam de 3% a 7% na alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre os combustíveis de aviação.

O diretor de operações da Latam, o piloto manauara Harley Meneses, declarou que os novos investimentos da companhia aérea no Amazonas se tornaram possíveis graças aos incentivos fiscais concedidos pelo Estado, por meio da Lei nº 6.271/23, que entrou em vigor em julho deste ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *