Polícia

VEJA VÍDEO: Homem traído se vinga e põe fogo em tudo que era da esposa

Brasil – Uma trágica ocorrência ocorrida em 2015 voltou à tona neste mês de setembro, chamando a atenção para a importância do Setembro Amarelo, um mês dedicado à prevenção do suicídio e promoção da saúde mental.

LEIA TAMBÉM:

O caso envolveu José Marcondes, de 44 anos, conhecido como Zelão, que, após uma discussão com sua esposa, resultado de um adultério cometido por ela, tomou medidas extremas que resultaram em uma tragédia.

Tudo começou quando uma vizinha, por volta das 18:30 horas, acionou a Polícia Militar para relatar que um homem havia incendiado sua própria casa após uma discussão conjugal.

De acordo com informações fornecidas pela testemunha, José Marcondes tentou incendiar também sua motocicleta, mas não conseguiu e partiu em alta velocidade.

Minutos mais tarde, ele retornou à residência e se deparou com uma equipe da PM no local. Ignorando o sinal de abordagem, Zelão tomou uma decisão trágica ao invadir a casa em chamas com sua moto. Infelizmente, ele acabou perdendo a vida no incêndio, e os policiais não conseguiram socorrê-lo devido à intensidade das chamas que consumiam o imóvel.

Para controlar o incêndio, os policiais solicitaram a ajuda de um caminhão-pipa da Prefeitura, mas, infelizmente, a residência foi completamente destruída, incluindo todos os móveis e eletrodomésticos no interior.



Após o controle das chamas, o corpo de José Marcondes foi retirado do local e encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Guarapuava para a realização dos procedimentos legais.

Esse trágico incidente ressalta a importância de abordar questões relacionadas à saúde mental e conflitos conjugais de forma sensível e proativa.

O Setembro Amarelo é um lembrete de que a prevenção do suicídio e o apoio a pessoas em situações de crise são fundamentais para evitar tragédias como esta que ocorreu em Goioxim – Paraná.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *