CidadeDestaque

Governo do Amazonas avança com recuperação da rua Anísio Jobim 

 Obra vai melhorar tráfego de veículos pesados e facilitar acesso ao futuro Parque Encontro das Águas 

REQUALIFICAÇÃO VIÁRIA DA RUA DESEMBARGADOR ANISIO JOBIM. FOTO: TIAGO CORREA_SEDURB

A Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), vinculada à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano e Metropolitano (Sedurb), está intensificando as obras na rua Desembargador Anísio Jobim, localizada no bairro Colônia Antônio Aleixo, zona leste de Manaus. A previsão contratual é que as obras sejam concluídas em novembro, mas as atividades estão mais avançadas que o previsto, e devem terminar antes da temporada de chuvas, melhorando significativamente o tráfego naquela região. 

O secretário da Sedurb, Marcellus Campêlo, detalha que a obra tem 1,7 quilômetros de extensão, fruto de uma emenda parlamentar do ex-deputado estadual e atual secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Serafim Corrêa. O investimento é de R$ 4,7 milhões. “Os serviços incluem pavimentação, asfaltamento, drenagem, meio-fio, sarjeta, calçadas e ampliação da via, melhorando a mobilidade e o acesso a uma importante rota comercial e turística”, destaca. 

A rua Anísio Jobim sofre com o intenso tráfego de caminhões de carga. A via também será o principal acesso ao futuro Parque Encontro das Águas, obra a ser realizada pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), com projeto arquitetônico assinado por Oscar Niemeyer, como explica o secretário da Secti, Serafim Corrêa. 

“Aquela é a parte da cidade de Manaus que a própria Manaus não conhece. Ali você está a uns 80 metros de altura e tem uma visão privilegiada do Encontro das Águas. Somando com a beleza natural, teremos a beleza arquitetônica do projeto do Oscar Niemeyer, o último projeto que ele fez antes de falecer. Vai ser algo muito importante para o turismo, mas principalmente para as pessoas que moram em Manaus, e esta obra na avenida Anísio Jobim é o primeiro passo”, pontua. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *