Cultura

“Muzikstation: Restart” imerge no universo das trilhas sonoras de e-games

O espetáculo integra a programação da Série Encontro das Águas. A segunda apresentação será neste sábado (08/07), no Teatro Amazonas

As trilhas sonoras de videogames, executadas pela Amazonas Filarmônica e pelo Coral Vocal dos Corpos Artísticos, proporcionaram ao público do Teatro Amazonas, nesta sexta-feira (07/07), uma verdadeira imersão ao mundo dos e-games. O espetáculo “Muzikstation: Restart”, integrante da Série Encontro das Águas, comprova a versatilidade da orquestra e dos coralistas amazonenses que passeiam com exímia qualidade técnica e musical pelo universo crescente das composições para videogames.

Muzikstation carrega uma história de sucesso, iniciada há quase 10 anos, desde a primeira apresentação. No repertório, trilhas sonoras de sucesso: The Last of Us, Cuphead, Castlevania, Final Fantasy, Chrono Trigger, Halo, entre outras.

A coralista da Madrigal do Amazonas, Anne Benjamin, apostou no cosplay de Mel Medarda, da série Arcane. Fã assumida da personagem, Anne conta que o desafio vai além da caracterização. “A Madrigal tem um repertório lírico e as trilhas são populares com técnicas diferentes, que temos que adaptá-las às técnicas líricas. É um desafio, ao mesmo tempo, um trabalho gratificante. Ficou lindo”, declara a amazonense.

O espetáculo Muzikstation: Restart teve a regência de Otávio Simões, a direção musical de Marcelo de Jesus, arranjos musicais de Guilherme Mannis e iluminação de Thabatta Melo. A próxima apresentação será neste sábado (08/07), às 20h, e os ingressos estão à venda no site shopingressos.com.br ou na bilheteria do teatro.

Parceria

Nesta terceira edição, o espetáculo faz parte de uma programação ampliada, que teve início na tarde de sexta-feira com disputas de e-games, no palco do Teatro Amazonas. O evento, aberto ao público, é o resultado da parceria inédita com a empresa de videogames Player Games.



“O Muzikstation é sempre um sucesso. É um trabalho imenso para escolher as trilhas de videogames, porque são muitos pedidos, muita gente pedindo a sua trilha favorita. E, neste ano, tivemos um evento histórico que é a semifinal e a final da Player Games, uma competição pública, com cadeira gamer e todo aparato. É um momento muito especial”, destaca o maestro Otávio.

Os atletas de jogos eletrônicos se enfrentaram na modalidade League of Legends e, no sábado (08/07), das 14h às 17h, a disputa será entre os finalistas na modalidade Valorant. A entrada é gratuita. O organizador do evento, Janderson de Jesus, conta que a competição, tendo como palco o Teatro Amazonas, aumentou a demanda de inscrições.

“Muitos jogadores nunca tinham entrado no teatro, o que foi algo a mais, apresentar um símbolo do Amazonas para jogadores novos e até para os mais antigos do cenário. Tivemos o privilégio de ter uma final feita no palco do teatro”, comenta Janderson, sem esconder a satisfação de levar uma arena de games a um espaço histórico e cultural do estado.

FOTOS: Amanda Brasil / Secretaria de Cultura e Economia Criativa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *