Polícia

Criança com espectro autista é achada esqu4rtej4da debaixo da cama do irmão

O irmão da vítima tem 19 anos e é considerado pela polícia civil como sendo o principal suspeito de ter cometido o crime

São Paulo – Um menino de 7 anos que estava desaparecido desde a manhã de terça-feira (26) foi encontrado morto debaixo da cama do irmão, de 19 anos, dentro da própria casa, no Jardim Ângela, zona sul de São Paulo. De acordo com as investigações da polícia, o jovem é o principal suspeito de ter cometido o crime.

LEIA TAMBÉM:

Um boletim de ocorrência chegou a ser registrado pela família após os pais não encontrarem o menino Caio França de Âlcantara em casa. A mãe da vítima, Juliana de França, conta que costuma sair pela manhã para trabalhar e deixa a criança sob os cuidados do irmão mais velho. Na manhã de terça (26), Caio, que tinha transtorno do espectro autista (TEA), pediu insistentemente para que ela o levasse.

Assim que o marido de Juliana chegou em casa, pouco depois da saída da esposa, ele não encontrou Caio e suspeitou de que o filho pudesse ter saído. Segundo relatos, o irmão mais velho impediu que os pais procurassem o menino em seu quarto.

Vizinhos contaram à Record TV que o irmão mais velho usa medicação controlada para doenças psicológicas e que, em 2019, teria planejado um massacre a uma escola da região. A investigação teve acesso às câmeras de monitoramento da rua e constataram que Caio não saiu de casa. Durante as buscas, a Polícia Civil encontrou o corpo do menino dentro do quarto do irmão, debaixo da cama.

Também foi encontrado e apreendido um caderno com planos que levaram a polícia a identificar o jovem de 19 anos como principal suspeito do crime.



A área foi isolada, e o corpo de Caio permanece na casa. O Instituto Médico-Legal (IML) foi acionado para confirmar a causa da morte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *