DestaqueEducação

Secretaria de Educação participa de encontro com Consulado do Japão em Manaus

Na ocasião, a secretária Kuka Chaves foi recebida pelo cônsul-geral Masahiro Ogino, onde discutiram propostas para o Ensino Bilíngue

A Secretária de Educação, Kuka Chaves, participou, nesta terça-feira (26/07), de um encontro com representantes do Consulado Geral do Japão em Manaus para discutir ações e parcerias voltadas ao Ensino Bilíngue na rede estadual de ensino. Atualmente, em Manaus, duas escolas ofertam a educação bilíngue voltada à Língua Japonesa: a Escola Estadual de Tempo Integral (EETI) Djalma Batista da Cunha e EETI Professora Jacimar da Silva Gama, na zona sul.

O cônsul-geral Masahiro Ogino e o Cônsul do setor cultural, Hiroaki Aizawa, receberam a comitiva da Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar formada pela secretária Kuka Chaves, a secretária executiva adjunta pedagógica, Arlete Mendonça, além dos professores de Língua Japonesa, Érika Tomioka (EETI Djalma Batista) e Wendell Martins (EETI Jacimar).

Durante o encontro, Kuka Chaves destacou a valorização do Ensino Bilíngue no Amazonas, e reforçou que este é um dos compromissos do governador Wilson Lima. Atualmente, a rede estadual possui nove escolas que ofertam essa modalidade com mais de mil alunos atendidos. Além do Japonês, há o ensino bilíngue nos seguintes idiomas: Inglês, Espanhol, Francês, Japonês e Tukano (uma escola indígena).

“Nas nossas duas escolas que ofertam a Língua Japonesa podemos observar, na prática, a importância da influência da cultura japonesa, inclusive no respeito que nossos alunos têm pelos seus mestres. O Governo do Amazonas tem feito muito pela educação e novos investimentos virão para o ensino bilíngue, inclusive a expansão para novas escolas, o que já está em estudo na secretaria”, destacou a secretária.

Nos dois EETI bilíngues de japoneses estudam mais de 1,1 mil alunos. O EETI Djalma da Cunha Batista possui oito professores ministrando aula de Língua Japonesa, nas disciplinas de Japonês, Ciências e Matemática da Língua Japonesa para alunos do Ensino Fundamental 2. Enquanto, o EETI Jacimar da Silva Gama possui quatro professores ministrando a aula na língua japonesa, nas mesmas disciplinas para o Ensino Médio.

“Nós percebemos que há professores japoneses, mas também há um aumento de professores não japoneses lecionando. Graças à colaboração da Secretaria de Educação, podemos dar promoção à ações grandes e importantes para o consulado, como a realização de cursos e bolsas de apoio aos professores”, destacou o cônsul-geral Masahiro Ogino.



Ainda em pauta, foram abordadas parcerias para ações nas escolas, eventos e atividades extra-curriculares.

FOTOS: Divulgação/ Secretaria de Estado de Educação e Desporto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *