DestaqueEsporte

Programa Pelci contribui para transformação social de jovens e crianças

Por meio das atividades esportivas, alunos do Pelci têm obtido melhoras comportamentais no convívio social e na escola

FOTOS: Mauro Neto /Sedel

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), jovens entre 15 e 29 anos correspondem a 23% da população brasileira, somando mais de 47 milhões de pessoas. No Amazonas, o Programa Esporte e Lazer na Capital e Interior (Pelci), beneficia mais de 10 mil jovens, e cerca de 20% desses atletas têm acima de 15 anos, somando o maior número nas modalidades de vôlei, jiu-jitsu e futebol.

Lançado pelo Governo do Amazonas e coordenado pela Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), o Pelci conta com 48 núcleos na capital e interior. Só este ano, foram abertos cinco novos núcleos, alcançando 560 novos atletas de base. Até o final de 2023, o objetivo do Programa é chegar a 15 mil jovens.

“Meu filho passava o dia todo trancado no quarto, na frente do computador. Com a vinda do Pelci no São Jorge, agora, ele ama participar das aulas de jiu-jitsu, é uma criança mais sociável e melhorou até na escola”, ressaltou Kelrolay Rocha, mãe do aluno do Pelci, Lucas Kauã, de 15 anos de idade.

Contribuindo para a formação de cidadãos participativos e de atletas profissionais, o Pelci proporciona bem estar físico, mental e social. Além de fomentar o esporte e a inclusão social entre crianças e jovens, o Programa tem impulsionado a prática desportiva por meio do Campeões na Vila, Mais Futevôlei e Formando Campeões.

“Depois que conheci o jiu-jitsu me sinto mais saudável, conheci novos amigos e já me inspiro em grandes atletas para participar de competições”, comentou o atleta Lucas Kauã.

O gerente do Pelci, Marcelo Teixeira destaca a importância dos benefícios do esporte para os alunos. “O Pelci contribui diretamente para o desenvolvimento das crianças em atividades psicomotoras e aspectos psicossociais. Dessa forma, fortalecemos a saúde física e mental”, destacou.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *